Sobre os SelosA partir das características biológicas, comportamentais e ecológicas, foram selecionados seis grupos de insetos benéficos e produzidas as imagens individualizadas representativas de cada um. Com características lúdicas e traços específicos para personagens infantis, as representações artísticas foram realizadas de forma harmoniosa na relação de cores, formas e traços para criar a relação entre os insetos benéficos e a natureza de forma divertida. O título da emissão é exibido na parte direita da peça, e, no canto inferior esquerdo, é divulgado o nome popular do inseto representante do grupo. Foram utilizadas as técnicas de aquarela e lápis de cor para as ilustrações que foram aplicadas em computação gráfica, combinando recursos de softwares vetoriais e tratamento de imagens digital.

 
 
 

Insetos Benéficos

Nesta emissão, os Correios, por meio da Filatelia, homenageiam os 30 anos do Tratado de Assunção, que resultou no Mercado Comum do Sul - Mercosul, possibilitando dentre diversas atividades a criação das Emissões Filatélicas com Temática Comum Mercosul, e que neste ano terá insetos benéficos como protagonista.

 

Quem tem medo de inseto?

A essa pergunta, a maioria das pessoas responderia “eu”. Em geral, esses pequenos invertebrados geram sentimentos de medo e repulsa, que estão relacionados ao seu aspecto, e por alguns deles serem pragas ou transmissores de doenças. Mas é importante entender que muitas espécies de insetos são benéficas e contribuem para a produção de alimento e conservação do ambiente.

Nessa série de selos do Mercosul são apresentados alguns grupos de insetos benéficos. Entenda por que esses insetos são assim considerados e conheça algumas das caraterísticas de cada grupo.

 

Microvespas

O próprio nome já explica... esses insetos são muito pequenos, possuem alguns milímetros, e, por isso, muitas pessoas nunca os viram ou os confundem com pequenos mosquitos.

As Microvespas, como as espécies de Trichogramma, parasitam ovos de outros insetos para completar seu ciclo reprodutivo. Muitos dos insetos que são parasitados pelos Trichogramma são pragas de diversas culturas. Por isso, essas microvespas são muito usadas no controle de pragas de cana-de-açúcar, soja, milho, tomate, entre outros.

Em diversas partes do mundo, inclusive no Brasil, é possível comprar em biofábricas Trichogramma para aplicar nas culturas. As Microvespas são espalhadas pela lavoura de diversas maneiras, inclusive com o uso de drones. Essa forma de controlar os insetos pragas é conhecida como controle biológico e evita o uso excessivo de agrotóxicos, aumenta a produção de alimentos e ajuda a conservar o ambiente.

 

Fábia de Mello Pereira, Bruno de Almeida Souza, Maria Teresa do Rêgo Lopes e Patrícia Maria Drumond

Pesquisadores da Embrapa Meio-Norte

 
 

Detalhes Técnicos

Edital nº 22

Arte: Luciana Fernandes – Embrapa Alimentos e Territórios

Processo de Impressão: ofsete + verniz

UV localizado + relevo seco

Papel: cuchê gomado

Folha com 24 selos

Valor facial: R$ 1,80 cada selo

Tiragem: 480.000 selos (80.000 de cada)

Área de desenho: 39 x 21mm

Dimensão do selo: 44 x 26mm

Picotagem: 11 x 11,5

Data de emissão: 3/12/2021

Local de lançamento: Teresina/PI

Impressão: Casa da Moeda do Brasil

 

Informações retiradas do site: https://www.febraf.com.br/

Série Mercosul - Insetos Benéficos, Microvespa

R$2,35
Série Mercosul - Insetos Benéficos, Microvespa R$2,35
Entregas para o CEP:

Meios de envio

  • Castro Alves Leilões Estrada do Campinho, número 1.309, Sala 206, Campo Grande, Rio de Janeiro - RJ. CEP.: 23.070-221 - Atendimento de Segunda à Sexta das 9:00 às 18:00

    Grátis

Sobre os SelosA partir das características biológicas, comportamentais e ecológicas, foram selecionados seis grupos de insetos benéficos e produzidas as imagens individualizadas representativas de cada um. Com características lúdicas e traços específicos para personagens infantis, as representações artísticas foram realizadas de forma harmoniosa na relação de cores, formas e traços para criar a relação entre os insetos benéficos e a natureza de forma divertida. O título da emissão é exibido na parte direita da peça, e, no canto inferior esquerdo, é divulgado o nome popular do inseto representante do grupo. Foram utilizadas as técnicas de aquarela e lápis de cor para as ilustrações que foram aplicadas em computação gráfica, combinando recursos de softwares vetoriais e tratamento de imagens digital.

 
 
 

Insetos Benéficos

Nesta emissão, os Correios, por meio da Filatelia, homenageiam os 30 anos do Tratado de Assunção, que resultou no Mercado Comum do Sul - Mercosul, possibilitando dentre diversas atividades a criação das Emissões Filatélicas com Temática Comum Mercosul, e que neste ano terá insetos benéficos como protagonista.

 

Quem tem medo de inseto?

A essa pergunta, a maioria das pessoas responderia “eu”. Em geral, esses pequenos invertebrados geram sentimentos de medo e repulsa, que estão relacionados ao seu aspecto, e por alguns deles serem pragas ou transmissores de doenças. Mas é importante entender que muitas espécies de insetos são benéficas e contribuem para a produção de alimento e conservação do ambiente.

Nessa série de selos do Mercosul são apresentados alguns grupos de insetos benéficos. Entenda por que esses insetos são assim considerados e conheça algumas das caraterísticas de cada grupo.

 

Microvespas

O próprio nome já explica... esses insetos são muito pequenos, possuem alguns milímetros, e, por isso, muitas pessoas nunca os viram ou os confundem com pequenos mosquitos.

As Microvespas, como as espécies de Trichogramma, parasitam ovos de outros insetos para completar seu ciclo reprodutivo. Muitos dos insetos que são parasitados pelos Trichogramma são pragas de diversas culturas. Por isso, essas microvespas são muito usadas no controle de pragas de cana-de-açúcar, soja, milho, tomate, entre outros.

Em diversas partes do mundo, inclusive no Brasil, é possível comprar em biofábricas Trichogramma para aplicar nas culturas. As Microvespas são espalhadas pela lavoura de diversas maneiras, inclusive com o uso de drones. Essa forma de controlar os insetos pragas é conhecida como controle biológico e evita o uso excessivo de agrotóxicos, aumenta a produção de alimentos e ajuda a conservar o ambiente.

 

Fábia de Mello Pereira, Bruno de Almeida Souza, Maria Teresa do Rêgo Lopes e Patrícia Maria Drumond

Pesquisadores da Embrapa Meio-Norte

 
 

Detalhes Técnicos

Edital nº 22

Arte: Luciana Fernandes – Embrapa Alimentos e Territórios

Processo de Impressão: ofsete + verniz

UV localizado + relevo seco

Papel: cuchê gomado

Folha com 24 selos

Valor facial: R$ 1,80 cada selo

Tiragem: 480.000 selos (80.000 de cada)

Área de desenho: 39 x 21mm

Dimensão do selo: 44 x 26mm

Picotagem: 11 x 11,5

Data de emissão: 3/12/2021

Local de lançamento: Teresina/PI

Impressão: Casa da Moeda do Brasil

 

Informações retiradas do site: https://www.febraf.com.br/